BONS RELACIONAMENTOS GERAM BONS RESULTADOS PROFISSIONAIS

Desenvolver uma competência interpessoal para os relacionamentos é imprescindível para os dias de hoje. Obviamente, isso vale para aqueles que buscam ser bem-sucedidos na vida pessoal quanto na profissional. Se for essa sua expectativa, seguem algumas orientações.

Falando inicialmente da dificuldade, é importante saber que existem inúmeras variáveis que tornam a competência interpessoal um grande desafio humano, tais como o perfil da pessoa que você se relaciona, o ambiente em que ela está inserida, outras pessoas ligadas a ela, que tipo de expectativas ela tem, enfim, alguns fatores devem ser observados. Entretanto, podemos considerar que alguns comportamentos nas relações são importantes e seguem um padrão adequado.

O primeiro elemento imprescindível é procurar gostar das pessoas. Isso mesmo, gostar de gente, focar principalmente no que elas têm de virtudes e não nos defeitos. Deve-se ter interesse nas pessoas e demonstrar para elas que você aprecia aquilo que fazem e como são. Em outras palavras, aplique o DI – Demonstração da Importância. Demonstre o quanto são importantes para você e o quanto valoriza isso. Esse comportamento irá abrir o canal da reciprocidade e, assim, esteja sempre disponível para ajudá-las no momento que elas precisarem. Eu disse sempre!

O segundo elemento importante é o humor. A característica de uma pessoa sociável é o sorriso. Não há dúvidas de que o bom humor seduz as pessoas, pois é algo que faz com que elas se sintam valorizadas e respeitadas. Somos seres humanos com dúvidas e medos, sendo assim, transmita sentimentos bons através do bom humor. Pessoas bem-humoradas inspiram confiança.

Algumas pessoas não querem que resolvam problemas por elas, mas, diante dos seus próprios desafios, querem ser ouvidas. Dessa forma, a sua capacidade de ouvir atentamente é proporcional ao relacionamento saudável. Esse é o terceiro elemento altamente valioso e muito valorizado pelas pessoas. Ouvir com atenção é um comportamento que cria um vínculo afetivo, fazendo de você interessante para o outro. Assim, esteja disponível para ouvir atentamente.

O quarto elemento imprescindível é o perdão. Hoje em dia, a prática do perdão está em desuso, substituído lamentavelmente pelo rancor. Perdoar é sem dúvida um elemento poderoso para os relacionamentos. É evidente que numa jornada juntos surgirão alguns aborrecimentos e até conflitos. Entretanto, é importante não levar para o lado pessoal, fazendo com que o outro perceba que não há rancor em você, o que é encantador. Algumas pessoas vão até nos machucar, mas estando dispostos a perdoá-las, entendendo suas imperfeições, o relacionamento será fortalecido.

O quinto elemento importante é aceitar a diversidade. Como humanos, estamos sem perceber julgando o tempo todo e querendo que o outro seja exatamente do jeito que queremos que ele seja. Pare! Pare com essa ideia absurda de querer mudar as pessoas, isso só irá afastá-las de você. Aceite a diversidade, os diferentes se tornam iguais quando aceitam a diversidade.

O sexto elemento e poderoso comportamento é reconhecer as pessoas. Isso mesmo, todos, absolutamente todos, possuem qualidades e fazem coisas bem-feitas. Esteja atento a reconhecer sempre que for necessário e seja autêntico com o reconhecimento. Procure reconhecer as boas ações das pessoas, evite fazer elogios para apenas elevar a autoestima do outro. Isso pode parecer falso. O reconhecimento deve ser feito nas atitudes e nas ações boas que o outro praticou.

Lembre-se, colhemos aquilo que plantamos. Portanto, gostar das pessoas, bom humor sempre, energia positiva, ouvir com atenção, saber perdoar, aceitar a diversidade e praticar o reconhecimento vão certamente elevar a sua competência interpessoal.

Author: Alexandre Macedo
Alexandre Macedo é Administrador, Filósofo, Especialista em Gestão de Pessoas e Analista Comportamental. Fundador do Instituto Lidere e mentor do programa Liderança Sustentável.